domingo, 8 de março de 2009

SOBREVIVEM OS MAIS FORTES!!!!

Quando você percebe que o primeiro passo é errado e que não tem volta, as consequências tratam de mostrar o seu feito. E que bem feito. Acho até que bater de frente com algo, ou pisar em várias pedras fazem parte da vida. Até porque eu acho que só aprendi quebrando a minha cara, e não foi por falta de conselho da minha mãe. E se eu fosse segui-los todos, até hoje eu seria uma pessoa que iria adorar números, não teria conhecido nenhum cafajeste e teria me apaixonado pelo cara mais bem resolvido do planeta. Mais como eu quis ser a ovelha negra da família fechei para balanço qualquer tipo de conselho. E acreditem se quiser se eu pudesse voltar no tempo eu não os seguiria. Podem dizer que enlouqueci e que dou conselhos errados. Mais pera aí, aprender sozinha, chorar sozinha e perceber que sua mãe realmente tava certa é reconfortante. Não, eu não sou nenhum tipo de pessoa que gosta de seguir caminhos errados e nem mesmo de sofrer, mais isso é lógica. Sobrevivem os mais fortes, certo?Até certo ponto essa teoria genética nos leva para algum lugar. Eu segui meu coração, o destino e o amor por alguma pessoa em todos os momentos da minha vida. E a gente sempre acha que está sendo levado para o melhor caminho. O caráter, o seu valor para com as outras pessoas e o carinho você conquista com o dedicação de uma vida inteira, sendo uma vida bem resolvida ou não. Com todos os meus erros e acertos eu cruzei com pessoas que eu sei que eu vou estar com elas pro resto da minha vida. Que se levantaram com os meus acertos e me deram um empurrão no recomeço. Eu descobri que o passado existe pra constituir o que você seria hoje ou daqui 20 anos. E Deus abençoe o livre arbitrio, o poder da escolha, a esquerda e a direita.Talvez vir aqui e ficar despejando dramas sobre a tal realidade em que o meu coração se encontra não seria uma boa. O que seria uma boa é perceber que o buraco em que você aí se encontra por causa dessa sua mania de não seguir conselhos(que nem eu aqui) tem volta. Tem também uma vontade de sobra de passar uma borracha no tal arrependimento. Arrependimento não mata, ensina a viver. Se matasse eu já estaria a sete palmos do chão. E mais uma vez o poder de escolha entra em questão, vá consertar teu erro. Anda! Não conseguiu consertar o erro, certo? Faz que nem eu, senta e deixa que a vida conserta.E que por favor que não me venham com as teorias de como viver bem. Abomino todo tipo de idéia de vidinha monótona. Me apaixonei por tudo aquilo que faça meu coração sentir vida. Me apaixono pela décima vez pelo que eu acho certo. Depois de tudo vale apenas seguir um conselho, só esse vai...Persistir no erro, é burrice. Isso é fato e não muda.Com os tais erros e acertos eu arrisco a minha felicidade. E quem procura acha!!!!!!!!

5 comentários:

Bruninha disse...

Oláaa!
Já vim aqui, há algum tempo, e hj percebi que não havia te add, mas adoroooooooo tudo que vc escreve, as vezes tão entendo bem rsrs
Tô te add, espero que me add tmb

Bjs

disse...

Cáh! Mais uma vez meus parabéns pelo texto tão livre de amarras, ao lê-lo penso estar conversando contigo, até ouço sua voz...rsrs...sobre erros e acertos: isso é tão humano que, se eles não existissem, humanos também não seríamos. Não esqueci seu selinho, logo venho apanhá-lo e te aviso, ok? Bjins e até!

Ma Yamada disse...

Oi Cááááá!
caracaaaaaaaaaaaaaaaaa meu... rs igualzinha eu! Por mais que falem, sigo meus instintos, por mais que apanhe estou sempre pronta pra tentar outra vez, não persistindo no mesmo erro, mas jamais desistindo!!
É isso aiiii! Somo assim né rs

Bjim e ótima semana!

Luh disse...

Oii cáh
texto lindo como sempre
eu também sou assim, podem me avisar várias vezes mas gosto de passar pela coisa pra saber se é boa ou não.
beeeijos

Samy Silva disse...

Loiraooo!!
criei um blod pra mim =)
faz uma visitinha lacosdesangue.blogspot.com
toh t esperando la ok!?!?!
Bjundinhas sua sumida