segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Amar…

 

OgAAAAoj7ktLYDQltLPj4HRfIRXvW228USAFPFPMILqm_4sPNyf3tQYIYHMD6Ry0t3BWTn6CTRq6lNvxMkfRglFWU5kAm1T1UOBhm7AkWDCtDX1wVUWFuQiVGLD1

 

 

"Não é amar: viver em função do outro, viver em uma confusão de pensamentos e sentimentos que tiram o foco, viver triste, com receio da perda, do abandono, da mentira, aceitar migalhas, viver se rastejando, falar o que não sente, conceder indefinidamente, adiar sonhos, encolher, esconder-se, deixar-se morrer, anular-se." Sandra Maia

2 comentários:

Angélica Medeiros disse...

Adorei esse trechinho amiga!!
Beijokas.

Maria Levy disse...

Primeiro um te que se amar a um mesmo, e depois assim pode amar a outra pessoa.
Eu sempre pagaba o delivery de comida para o meu namorado e ele nunca pagou, ate que um dia ele me surpreendeu e começou a pagar uma parte...